O departamento de Mocidade da IBC Bagé completa 60 anos em 2022. A história foi lembrada no último sábado, 30 de abril, com o musical “Deus em meio às Gerações.” Através de louvores e encenação teatral, as gerações 60, 70, 80 e 90 reviveram momentos felizes com Deus. Na ocasião, muitos visitantes encheram o templo sede da Igreja.

A proposta do Musical foi promover um reencontro com todos que fizeram parte da história da MOBC Bagé, especialmente aqueles que atualmente estão fora do convívio da Igreja. Para isso, cada geração se mobilizou para convidar seus amigos de época, através das redes sociais.  A geração dos anos 70 foi a vencedora da noite por alcançar o objetivo de reunir o maior número de amigos ex-membros da Igreja para a programação. O departamento de Mocidade da IBC Bagé é liderado pelo diácono Leonardo Cabreira.

O presidente da IBC Bagé, pastor Gideão Muniz, dirigiu as saudações. Emocionado, manifestou sua alegria em poder rever muitos dos amigos que um dia fizeram parte do rebanho e que hoje estão afastados da comunhão.

A programação especial  também contou com a presença de algumas lideranças da Convenção Batista Conservadora:  o diretor da MOBC Geral, evangelista Calebe Vieira, (IBBC Criciúma), e seu vice-diretor, diácono Lucas de Sousa (IBC Filadélfia Alvorada), o diretor do Departamento de Música, e ministro de louvor,  Luis Filipe Gonçalves, o pastor Jorge Gonçalves, e sua esposa, Isabel Cristina (IBC Canguçu), e ainda o diretor da Junta Missionária da CBC, evangelista Anderson Madruga de Quadros, e sua esposa, Lenice, e a filha do casal, Jemima.

Cada uma das gerações interagiu com o Musical cantando o louvor que marcou sua época. Na foto, a geração anos 60 canta “O Sonho”,  do grupo Novo Alvorecer

Amigos ex-membros da Igreja cantaram juntos, e relembraram momentos vividos na presença de Deus 

Geração Anos 70 cantou o louvor “Jesus Vive”, do Grupo Reviver

Vocal e músicos conduziram os louvores 

O cantor João Torma também participou do Musical 

Geração Anos 90 cantou “Primeiro Amor”, da cantora Aline Barros 

Geração Anos 80 cantou “Acenda uma luz”, do cantor Marcos Witt

O templo ficou cheio com a presença de muitos visitantes

O responsável pela organização da Geração Anos 70, diácono Daniel Ribeiro, (esquerda), recebeu a placa destinada aos vencedores da gincana

Pastor Gideão Muniz, presidente da IBC Bagé 

Os louvores foram intercalados por uma peça teatral – o roteiro relatou a história de um jovem, que ao distanciar-se do convívio da Igreja, recebeu a visita de seus amigos de mocidade 

Cena final retrata o retorno de um filho perdido  à presença do Pai Celestial – o caminho de volta para casa é difícil, porém continua sendo o único caminho certo 

 

 

 

Skip to content