Confira como acontece a experiência missionária da Família Biberg na Missão Indígena

Desde que chegou à base da Missão Indígena Batista Conservadora –  MIBAC, no estado do Pará,  a família do pastor Darlan Biberg está cooperando nos trabalhos realizados nas aldeias da região e nas Casas de Saúde Indígena (CASAIS) e Casas de Apoio, nas cidades de Tucumã, onde fica a base, e, também, em Ourilândia do Norte. Conforme relatou a missionária Carin Biberg, eles participaram em visitas, com ministração de louvores, e da Palavra de Deus (sempre com o auxílio da intérprete, missionária Eunice da Silva, que traduz a mensagem para o idioma indígena), e, também visitaram indígenas doentes nos hospitais. Os filhos do casal, Emanuel e Israel, também estão envolvidos nas atividades, e juntamente com as meninas Aline e Ana Paula da Silva (filhas dos missionários locais), cantam louvores a Deus durante os cultos e contribuem com o trabalho de missão transcultural. Para Carin, toda essa vivência é um grande desafio e, também, uma bênção.

Pastor Darlan ministra a Palavra aos indígenas (com o auxílio da missionária Eunice como intérprete)

Ministração apresentada pela missionária Carin 

A família visitante começou cooperando nas aldeias e cidades da região. Eles embarcarão para as aldeias que ficam além do rio

Distribuição de presentes às crianças indígenas – do projeto “Jesus, Nosso Melhor Presente” – a história de Natal ainda está sendo contada entre as aldeias

Registro em uma das Casas de Apoio Indígena visitadas – crianças mostram os presentes que ganharam 

 

 

Visita em uma Casa de Saúde Indígena (CASAI)

Por mais que as estradas sejam bastante íngremes… 

Nada tira a motivação de  ir ao encontro dos ingígenas a fim de anunciar-lhes o Evangelho de Jesus

Dupla formada por Emanuel Biberg e Aline da Silva 

A dupla Israel Biberg e Ana Paula Silva

Pular para o conteúdo