Amor na prática e conhecimento da Palavra de Deus: conheça o projeto de reestruturação do Seminário Teológico da CBC

Amar ao próximo e conhecer a Palavra de Deus já é um dos princípios que estabelecem o Seminário Teológico Gilgal. No entanto, agora, a entidade busca ampliar o significado deste princípio, com o projeto do Seminário Teológico Batista Gilgal. Não é apenas o nome que mudará: espera-se, até novembro deste ano, o início efetivo de uma reestruturação organizacional e administrativa por meio de programas de ensino, pesquisa e extensão.

Quais mudanças serão percebidas imediatamente?

A reestruturação e reforma estatutária já foram feitas, nas quais foram definidas as seguintes mudanças:

A entidade não terá mais um reitor, e sim um diretor geral, com funções administrativas e com responsabilidades jurídicas sobre a instituição. Quem ocupa esse cargo no momento é o evangelista e advogado, doutor Joás Dias da Silveira. O Seminário ainda contará com um diretor de ensino, um diretor de pesquisa e um diretor de extensão.

Joás explica que o novo formato será hibrido, com plataforma digital online, apresentando uma nova metodologia. As conhecidas Semanas Teológicas passarão a ser denominadas Simpósios, com dois níveis de curso: Nível 1 – Curso Básico Teológico, com duração de dois anos, e Nível 2 –  Curso Avançado de Estudo Teológico, com duração de 3 anos.

O Seminário em contato direto com a sociedade

O diácono Josué Martins é o Diretor de Extensão e explica que, assim como  em outras instituições de ensino, o Seminário Teológico Batista Gilgal se desenvolverá nos pilares básicos de ensino, pesquisa e extensão. No atual modelo da entidade, ainda em andamento, o ensino de extensão é uma realidade apenas nos núcleos locais e regionais do Seminário. Já no novo projeto, a extensão irá mais além, com projetos interativos supervisionados, um meio pelo qual os alunos poderão interagir em suas comunidades de fé. E é nesse ponto que o conhecimento da Palavra de Deus se alinha ao amor ao próximo: a proposta é que os discentes participem de ações sociais e evangelísticas em favor de pessoas ou comunidades em situação de vulnerabilidade econômica e carência espiritual.

Ainda dentro do ensino de extensão, existirá o projeto Seminário em sua Cidade, que é para promover cursos de curta duração entre as cidades onde existem Igrejas com núcleos do Seminário. Alguns exemplos de cursos que serão ministrados são Manual Doutrinário, Discipulado, Capelania, Gestão, entre outros. A ideia é tornar próximo o Seminário Teológico Batista Gilgal a outras pessoas. Além disso, a diretoria de extensão trabalhará em projetos de apoio interno, com a participação dos alunos, a fim de aprimorar as metodologias operacionais da entidade.

“Que o Seminário cresça e se torne mais robusto, para formar pessoas que estejam amando ao próximo e conhecendo a Palavra de Deus, que é a base da nossa instituição e a base da nossa fé”, complementou Josué.

Evangelista Joás Dias da Silveira, Diretor Geral 

Diácono Josué Martins, Diretor de Extensão 

 

Pular para o conteúdo